Início INTERNACIONAL Padre desiste de montar presépio para não ofender muçulmanos .
Padre desiste de montar presépio para não ofender muçulmanos .

Padre desiste de montar presépio para não ofender muçulmanos .

9
0

O padre Sante Braggiè, responsável pela igreja católica da cidade de Cremona, Itália, está causando controvérsia com sua decisão de não montar um presépio, como sempre foi a tradição no local.

Seu argumento é que ele não deseja “ofender” os muçulmanos, os ateus e hindus que vivem na cidade. Anualmente, uma representação do nascimento de Cristo era montada em frente ao cemitério local. Contudo, o padre argumenta que há um pedaço reservado para as lápides de muçulmanos.

Braggiè alega que as famílias muçulmanas que visitam o local poderiam considerar o presépio um “desrespeito” a suas convicções religiosas e isso seria ruim para a cidade.

Ao saber disso, o padre Oreste Mori, que antecedeu Braggiè na liderança da igreja disse que não podia acreditar no que estava acontecendo. Ao jornal Courier della Serra, o padre de 77 anos, que se aposentou alguns meses atrás, afirmou: “Não podemos renunciar a nossa cultura e tradições. Isso seria uma fraqueza imperdoável. Estamos na Itália e não na Arábia Saudita”.

A vereadora Cristina Cappellini afirmou que o padre Braggiè devia pedir desculpas à comunidade. “Um padre deveria preservar, honrar e promover os símbolos de nossas tradições e de nossa identidade cristã”, asseverou.

Outras autoridades de Cremona e membros da Igreja criticaram a decisão do padre. Eles pedem que o líder religioso mude de ideia e monte o presépio, mas até agora não tiveram sucesso. Para acalmar os ânimos, ele concordou em colocar as figuras dentro da capela do cemitério.

(9)

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *